Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O diário da Rita

Organizar, cozinhar, inventar, comprar, trabalhar, decorar... Basicamente é o diário de uma empresária-dona-de-casa, onde escrevo sobre os meus projectos.

O diário da Rita

Organizar, cozinhar, inventar, comprar, trabalhar, decorar... Basicamente é o diário de uma empresária-dona-de-casa, onde escrevo sobre os meus projectos.

27
Mar20

Receita - Bolo de aniversário com recheio crocante de caju


Ontem, dia 26 de Março, o meu marido fez 37 anos. Foi uma festa em casa (como não podia deixar de ser...), só nós os três, a cadela e um bolo de aniversário espectacular!! Fiz uma receita só para 4 doses, para não ficar a sobrar e cair na tentação dia após dia...

Bolo de aniversário de chocolate - o diário da R

Bolo de aniversário de chocolate:

Ingredientes do bolo:

2 ovos

1 courgette 

125g de farinha

150g de açúcar

100ml de óleo

40g de cacau em pó

1 c. sobremesa de fermento

1 c. sobremesa de bicabornato

 

Ingredientes do chantilly:

1 pacote de natas

2 c. sopa de açucar

 

Ingredientes do recheio crocante:

1 chav. de café de açúcar

1/2 cháv de café de água

2 cháv. de café de cajus ou amendoins triturados (usei cajus)

 

Primeiro preparamos o bolo: juntamos todos os ingredientes no liquidificador, menos a farinha e o cacau. Trituramos tudo muito bem. Pomos numa taceira e juntamos a farinha. Apartamos 5 c. de sopa. Na restante massa juntamos o cacau. Ficamos assim com duas massas de bolo, com e sem chocolate. Agora temos de fazer várias fornadas, porque o bolo tem 4 camadas de bolo. Usei uma forma redonda de 15cm de diâmetro (tem de ser uma forma pequena porque a receita é para poucas pessoas). 

Começamos por cozer a massa sem chocolate. Pomos a massa na forma forrada com papel vegetal e levamos ao forno, a 180º. Como fica um bolo muito baixinho com +- 1cm de altura, coze depressa. Depois fazemos o mesmo com a massa de chocolate. 

A massa rende 1 bolo sem chocolate e 6 com chocolate, apesar de só ter usado 3. Os restantes guardei para os meus lanchinhos ahahah :)

 

Depois fazemos o recheio crocante:

juntamos a água e o açucar numa panelinha e não mexemos. Deixamos ferver em lume brando até atingir o ponto de fio (106º). Depois, juntamos os cajus trituramos, mexemos e pomos na banca ou numa tábua de cozinha. Espalhamos e deixamos arrefecer. Quando estiver solidificado, partimos em bocadinhos.

E depois fazemos o chantilly: batemos as natas bem frias e a meio juntamos o açúcar até estar bem preso.

 

E agora montamos o bolo:

Pomos na base um bolo de chocolate e barramos a parte de cima com chantilly. Pomos alguns bocadinhos do crocante de caju. E repetimos esta operação até termos 4 camadas de bolo. Para finalizar, decoramos com o resto de chantilly e com o crocante de caju.

Ficou assim:

 

Bolo de aniversário de chocolate - o diário da R

 

ESTAVA DELICIOSO!!!

 

 

21
Mar20

Asinhas de frango com 100 alhos


Asinhas de frango com 100 alhos - O diário da Rit

Hoje decidi fazer um almoço bastante simples. É muito normal haver nos cafés, em forma de tapas, asinhas de frango. Esta receita é super simples e muito saborosa. Leva apenas 3 ingredientes: azeite, alhos e asinhas de frango. Para acompanhar fiz uma salada com alface, cebola, pimento e atum.

 

INGREDIENTES

Azeite q.b.

3 cabeças de alho

1kg de asinhas de frango arranjadas (pedi no talho para deitar fora a ponta da asa e partir as asinhas ao meio)

 

Descascam-se as cabeças de alho, deixando os dentes de alho com pele. Põe-se o azeite numa panela de maneira a ficar com 4 ou 5mm de altura de azeite. Ou seja, bastante azeite! Juntam-se os alhos e as asinhas temperadas com sal grosso. Deixa-se cozinhar mexendo de vez em quando para não pegarem no fundo. Estão prontas quando estiver tudo bem douradinho como na fotografia.

Bom apetite!!

21
Mar20

Isolamento - 8º dia - COVID-19


Como sabem, vivemos em Madrid. Aqui foi decretado o isolamento no sábado passado, dia 14 de Março. Desde esse dia, saí para ir ao hospital com a Helena mudar o gesso (foi operada à anca no dia 18 de fevereiro) e fui uma vez ao supermercado.

É duro estar em casa, sobra tempo para tudo. Tento manter-me activa e inventar coisas para fazer. Se não estiver activa, é muito fácil cair na apatia e depressão (acho eu...).

 

Então, esta é a minha rotina desde que estamos metidos em casa:

8:00 - a Helena acorda e, consequentemente, acordamos todos! Visto a Helena, visto-me eu e desço para a cozinha.

8:30 - preparo o meu pequeno-almoço e o da Helena

9:00 - ligo a televisão no canal Telemadrid (que sobretudo dá noticias de Madrid) e deixo-a ligada o dia inteiro! Quero saber a todas as horas o que se está a passar.... Depois arrumo a casa. Decidi que tinha que limpar a fundo uma divisão da casa por dia. Ontem, por exemplo, foi o dia da despensa. Passei o dia inteiro a limpar e reorganizar as coisas.

13:00 - almoço da Helena. Depois preparo o nosso almoço

14:00 - almoçamos

15:00 - Continuo nas limpezas. Se já não tiver de limpar essa divisão, sento-me no computador a responder a emails e a falar com os meus alunos. Ou então ponho-me a coser. Tenho coisas atrasadas para fazer!!! As minhas aulas de costura foram canceladas e quero continuar a fazer coisinhas!

18:00 - estudo canto (pois....nesta vida de cantora, é preciso estudar todos os dias, ou quase todos os dias...)

20:00 - jantar da Helena e preparo o nosso jantar

21:00 - hora de dormir da Helena

21:30 - jantamos

23:00 - vou para a cama ler

 

E é isto mais ou menos que tenho feito todos os dias. E por aí, como é que tendes passado o isolamento??

17
Mar20

Afinal, não há só "chicos-espertos" em Portugal!


Aqui em Espanha foi declarado o ESTADO DE ALARME. Desde ontem, é proibido sair de casa, salvo algumas excepções: ir ao supermercado, à farmácia, ir trabalhar ou ao médico. Mas clarooooo, há sempre chicos-espertos! Não estou a inventar estas situações! Saiu hoje nas notícias!

 

- Alquiler de cães para passear

Sim, isso mesmo! Há anúncios que, por 5eur, os donos de cães alugam o seu próprio cão a quem não tem cães para terem uma desculpa para sair de casa. Pode-se sair de casa com o cão durante uns minutos para fazer as suas necessidades, mas não se pode ficar meia hora no passeio.

 

- Sair de casa já com os sacos das compras

Ou seja, é permitido sair para ir às compras. Mas os chicos-espertos saem de casa já com sacos de compras/farmácia e, se a polícia os parar, dizem que acabam de sair do supermercado!

 

- Estar na rua com cães de peluche

Também vi estas imagens! Estava um homem com um cão com trela, mas era um peluche!

 

- Abrir o café

O dono de un café, em pleno centro de madrid, decidiu abrir o café. E quando a polícia chegou, tinham 6 pessoas dentro a tomarem café! Parece surreal, mas é verdade!

 

Claro está, que estas pessoas foram severamente multadas a modo de exemplo. 

Só espero que isto passe depressa e que não seja preciso aumentar os 15 dias de quarentena, apesar de o governo já terdito que em princípio se vai aumentar.

12
Mar20

Coronavírus - situação em Madrid


    E o coronavírus parece que veio para ficar uma temporada. Não digo isto para aligeirar o assunto, mas porque assim o dizem os peritos. 

    Como sabem, vivo em Madrid. Aqui a situação está um pouco caótica. Começaram a tomar medidas já quando havia mais de 30 mortos. Mas o cúmulo foi que permitiram que se fizesse uma manifestação enorme no dia da mulher, 8 de Março. E depois, só depois da manifestação claramente politizada, tomaram medidas. E quais foram as medidas? Começaram por fechar todos os centros educativos da comunidade de Madrid, públicos e privados, creches, escolas e universidades. Mas diziam os peritos na televisão: por favor, não deixem as crianças com os avós, pois são um grupo de risco. Mas a quem é que podem deixar as crianças se não for com os avós??

   Oraaaa, logo no primeiro dia sem aulas, ontem dia 11 de março, os parques estavam cheios de crianças a brincarem com outras crianças acompanhadas pelos avós!

    Então e a ver se eu entendi bem: as crianças não podem estar com outras crianças nos espaços escolares, mas podem estar juntas fora? Podem-se juntas em parques, cafés e supermercados? 

    Hoje, dia 12, tomaram mais uma série de medidas: fecharam museus, bibliotecas, teatros. Muito bem! Mas e o metro e autocarros onde andam milhões de pessoas por dia? E o aeroporto?

    Evidentemente, o vírus vai continuar a espalhar-se até atingir um auge (que nem de longe nem de perto se atingiu). Espero que a Primavera venha depressa com temperaturas altas, pois dizem que o vírus morre a partir de 26 graus....